Noticias

PITINGA, A VILA DA SAUDADE!

Qualquer citação que faça referência a Vila de Pitinga, gera no mesmo instante, uma associação a riqueza. De fato o lugar é rico em minério, fato que levou a Mineração Taboca a instalar um distrito, dentro da cidade de Presidente Figueiredo, no meio da selva Amazônica com acesso unicamente por meio de área indígena, pertencentes aos índios Waimiri-Atroari.






Tanta riqueza extraída deste lugar, tornou a cidade de Presidente Figueiredo, com apenas 32.000 habitantes, uma das maiores receitas do estado do Amazonas. Já tendo inclusive, sido um dos maiores PIBs do nosso país. A extração de cassiterita na mina de Pitinga, é perene, portanto uma inesgotável fonte de riqueza, que servirá ainda por muitos anos, a gerar riqueza ao município amazonense.



Mas a maior riqueza deste lugar, não é e nem foi a extraída. A maior riqueza da Vila de Pitinga foi a advinda com a instalação do Distrito de Pitinga. Foi fundada uma vila com igrejas, clubes, hotel, área comercial, creche, restaurante e tudo o mais necessário que pudesse hospedar com conforto e dignidade os novos amazônidas. Estas pessoas sim, verdadeiras riquezas.


Pessoas que pra cá vieram não como exploradores, mas profissionais e pais de famílias honrados e trabalhadores que buscavam através de suas qualificações, contribuir com a empresa contratante e ao mesmo tempo oferecer a seus familiares uma vida digna.
A riqueza destas pessoas, passou a ser compartilhada com nós amazonenses. Vieram paulistas, mineiros, baianos, cearenses, gaúchos e de diversas outras localidades. Trouxeram na bagagem uma nova cultura e hábitos que ao se fundirem com os nativos, criaram o que podemos chamar de verdadeiros "PITINGUENSES".

Viver na Vila de Pitinga, mesmo com o isolamento geográfico, era prazeiroso. A comunidade a despeito de existir vila A,B,C e D era formada por uma imensa família que compartilhava as domingueiras alegres dos clubes A e B; Que brincavam os arraiais juninos como verdadeiros caipiras; Que desfilavam beleza e alegria nos tradicinais bailes do Havai; Que se solidarizavam com o espírito natalino, mantendo vivo nas crianças, a figura do papai Noel; Que se orgulhavam das feiras e eventos culturais do colégio Pitágoras. Isso sim, são ricas lembranças.


A instalação da mineradora no local, têm o objetivo de gerar valor transformando os recursos minerais de forma sustentável. Pensando assim, a mineradora que desde 2008 passa por uma reformulação administrativa, resolveu desativar o sistema de distrito e adotar o sistema de alojamento, e por ter interesse em explorar justamente a rocha onde a vila está assentada, está demolindo o vilarejo e destruindo a história dos Amazônidas de Pitinga.

Como esquecer de "Seo Guabiraba" e sua generosidade em distribuir abóboras que semeava ? E as disputas políticas lideradas pelos saudosos vereadores Messias do Carmo Leite e José Carlos Moura? Como retribuir a hospitalidade de "Seo Darci" e da rede atada na varanda de sua casa?  E com que aperto ficam os mais jovens ao lembrarem de Viviane Rossett, Deleon Ramos e Leandro Nascimento. Todos, sem exceção verdadeiras preciosidades!







Ali não só se extraiu riqueza como também se gerou e formou uma bela geração de jovens. Belos por essência e que extrapolam a riqueza da estética e muito bem representado pelas rainhas Lilian Daniel, Anna Paula Venâncio Cândido e Tatiane nóbrega. Lindas representantes da beleza dos jovens de Pitinga e que distribuem por onde passam educação, caráter, respeito e outras infindáveis qualidades únicas da realeza.

Muitos destes jovens criados como verdadeiros irmãos, estão sendo hoje usurpados, de um dia, marcarem um reencontro no lugar onde viveram grande parte de suas vidas e certamente, a parte mais rica de nossa história de vida: infância e adolescência. A grande maioria, ainda resiste em ter que se afastar de seus verdadeiros amigos, aqueles que a gente carrega pra vida toda. Mas a separação será inevitável com raras exceções.

 A vida na capital é diferente, quase sempre é cada um por si. A riqueza de uma infância pura se transformará em saudosas lembranças. Que o digam: Natália Leal, Hildo Neto, Rosane Magalhães, John Maicon Nogueira, Jéssica Alencar, Viviane Freires, Miriely Gomes, Giselly da Hora, Victória Ladislau, Bruna Ribeiro e tantos outros hoje "irmãos" das redes sociais.



Pitinga tá virando história e em toda história existem os personagens. A vila ofereceu ao Amazonas e em especial a Presidente Figueiredo, grandes personagens. é impossível mensurar a grandeza de cada um, mas certamente este foi o maior valor extraído do lugarejo. Aqui em nome de alguns, todos estarão sendo representados: Adelmo, Waltair, Valdir, Toninho, Amaro, Salete Marques, Lúcia Holanda e D. Rita.


Diante dos fatos, a verdade é que a maioria irá se separar, tudo se transformará em saudades, até os momentos de lágrimas. A certeza que amizades são pra sempre, vira dúvida. O destino vai levar cada um para o seu lado e os encontros serão por e-mails...
PITINGA PARA SEMPRE!


Este texto contou com a expressiva colaboração de Ritalina Daniel Rita, a quem expresso profundos agradecimentos.














PITINGA, A VILA DA SAUDADE! PITINGA, A VILA DA SAUDADE! Reviewed by Portal Urubui on 00:41 Rating: 5